Giza Hary

Como a nutrição pode influenciar no sistema imunológico?

Nosso intestino não é apenas um órgão para digestão e absorção no organismo, ele também é responsável pelo nosso sistema imunológico. A integridade do nosso Trato Gastro Intestinal está relacionada ao nosso sistema imune.

O sistema de defesa antioxidante do organismo tem como principal função inibir ou reduzir os radicais livres, causados às células, o que impacta também na função do trato gastro intestinal. Alguns alimentos e suplementos são excelentes para manter a microbiota intestinal funcionando de forma correta, o que ajuda a nossa resposta imune.

Os probióticos são microorganismos vivos capazes de melhorar o equilíbrio microbiano intestinal produzindo efeitos benéficos à saúde do indivíduo. Eles podem ser encontrados em alimentos como kefir, iogurtes, kombucha ou manipulados em farmácia.

A glutamina é considerada essencial para o bom funcionamento do sistema imunológico e intestinal, pois, atua como fonte energética para células do intestino delgado e linfócitos, sendo importante para a proliferação dessas células e manutenção desses tecidos, prevenindo a atrofia intestinal, mantendo os níveis de secreção pelo intestino da IgA secretória, mantendo a imunidade da mucosa intestinal e melhorando a imunidade celular (células T), causando, assim, um estímulo da função imunológica geral do organismo (FRENHANI, 2003; WAITZBERG et al, 2000).

Algumas vitaminas antioxidantes agem diretamente na neutralização (combate) da ação dos radicais livres, que são moléculas tóxicas para nosso organismo. 

As Vitaminas E, C e Zinco são antioxidantes e ajudam a combater os radicais livres produzidos pelas células. Algumas dicas de alimentos com esses nutrientes são:

  • VITANIMA E: Pasta de amendoim natural
  • VITAMINA C: frutas cítricas como morango, laranja, kiwi, acerola, tomate.
  • ZINCO: feijão, lentilha, ervilha, grão de bico, chocolate amargo, linhaça, amêndoas, castanha de caju.

Uma receita anti oxidante e bem gostosa de se fazer e comer é:

5 unidades de morango 

1 colher de sopa de pasta de amendoim

1 colher de sopa de chocolate amargo picado

1 colher de sobremesa de amêndoas laminadas

1 colher de café de linhaça

1 colher de café de chia

Higienize os morangos e corte em pedaços pequenos. Em um recipiente coloque todos os ingredientes e está pronto.

REFERÊNCIAS:

Zinco, estresse oxidativo e atividade física. (Rev. Nutr. vol.16 no.4 Campinas Oct./Dec. 2003)

ANVISA. Alimentos com Alegações de Propriedades Funcionais e ou de Saúde, Novos Alimentos/Ingredientes, Substâncias Bioativas e Probióticos. Lista de alegações de propriedade funcional aprovadas, jul. 2008. 

Chapman, M.H.; Sanderson, I.R. Intestinal flora and the mucosal immune system. Annales nestlé 2003;61:55-65. 

WAITZBERG, D.L.; LOTIERZO, P.H.P.; DUARTE, A.J.S.; SCHRONTS, E.P.; CERRA, F. Imunonutrição. In: WAITZBERG, D.L. Nutrição Oral, Enteral e Parenteral na Prática Clínica. 3ª ed. São Paulo: Atheneu; 2000. p. 1511-38.

Um beijo da Nutri, Giza.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agendar Consulta
Agendar Consulta